Saiba por que a aliteração é conhecida como figura de som

Você, certamente, já se deparou com as famosas figuras de linguagem durante seus estudos. Elas configuram um recurso muito importante dentro daquilo que chamamos de conotação, pois exercem a função de tornar um texto “diferente”, como novos dizeres e significados. É por conta delas que temos, muitas vezes, uma escrita rica em duplos sentidos, metáforas, ironia, o que faz com que a interpretação nos leve a ideias novas de maneira bastante criativa. Estão muito presentes na literatura e na publicidade. (mais…)

Anáfora e Catáfora

Anáfora x Catáfora


Anáfora e Catáfora são processos de referenciação que contribuem grandemente para a coesão textual. A palavra “anáfora” origina-se do grego “anaphorá” e do latim “anaphora” e significa repetição. Trata-se, portanto, de um processo de retomada que consiste no uso de um elemento linguístico para fazer referência a um termo já citado anteriormente, de forma direta ou indireta. (mais…)

Texto Figurativo x Texto Temático

Texto Figurativo x Texto Temático

Quanto à forma de construir significados, os textos podem ser classificados em temáticos ou figurativos.

O Texto Figurativo é aquele composto principalmente por figuras, ou seja, baseia-se em substantivos concretos para construir significados. Por isso, sua função é representativa, afinal, é por meio dessas palavras predominantemente concretas que o texto figurativo tem a intenção de retratar algo, criar representações do mundo. (mais…)