Modernismo 2.ª Geração - Poesia

Modernismo 2.ª Geração – Poesia

A Segunda Geração foi o momento de ápice da poesia modernista brasileira. Com produções mais direcionadas a questões universais e ligadas ao ser humano de forma geral, a poesia de 30 se dividiu entre dois grupos poéticos: a poesia social e a corrente espiritualista. A poesia social caracterizou-se por ser mais materialista, racionalizada e voltada aos aspectos sociopolíticos e à realidade social daquele período, como a desigualdade, a crise econômica, a guerra, etc. Seu principal representante foi Carlos Drummond de Andrade. Já a corrente espiritualista foi marcada pela produção de uma poesia metafísica, mística e de reflexão mais abstrata e sentimental. Por isso, trabalhou questões filosóficas, emocionais, espirituais e religiosas. Sua principal representante foi Cecília Meireles. Entre os poetas de 30, ainda merecem destaque Vinicius de Moraes, que ficou conhecido como “o poetinha da paixão”, Mário Quintana, o “poeta das coisas simples”, Murilo Mendes e Jorge de Lima.
Quer mais detalhes sobre a poesia da Segunda Geração Modernista? Então, fique ligado no vídeo desta semana lá no meu canal do YouTube!

 


Espero que de alguma forma esse conteúdo tenha te ajudado. Mas o que acha de assinar a minha Plataforma de Estudos 2.0 e melhorar ainda mais seus estudos no colégio, no cursinho ou tirar aquela nota máxima no Enem?

E como eu realmente quero te ajudar, eu liberei algumas aulas gratuitas da minha plataforma pra você. 

Bora dominar o português e conquistar seus objetivos? Clique aqui e aproveite gratuitamente! 



SAIBA MAIS

> Modernismo 2.ª Geração – Prosa

> Modernismo 1.ª Geração

> Resumão Vanguardas Europeias

 

Me acompanhe também nas redes sociais: curta a página no Facebook, siga no Instagram, e se inscreva no Youtube.

 

Compartilhar:

Deixe uma resposta